sábado, 26 de novembro de 2011

Como fazer Pasta de Papel

1. Em primeiro lugar será necessário construir um quadro e uma peneira: são necessárias duas molduras de madeira com as dimensões do papel que se pretende. Para fazer a peneira, a uma dessas molduras é agrafada uma rede.

2. Cortam-se papéis em pedacinhos. Colocam-se os papéis num alguidar e cobrem-se com água. (Poderá ser usada água fria, morna ou bastante quente. Quanto mais alta for a temperatura da água, mais rápido será o processo de amolecimento do papel).


3. Explique às crianças que na escola é apenas possível reciclar papel e cartão não muito grosso (por exemplo, o cartão que envolve as embalagens de iogurtes), mas que nas fábricas de papel, onde há máquinas e produtos especiais e são usadas técnicas diferentes, são recicladas também as fibras das embalagens de cartão mais grosso.


4. Se necessário, poderá ser usado um triturador para desfazer totalmente o papel.


5. Pode adicionar-se cola de madeira (branca) para tornar o papel mais resistente, no entanto esta operação é opcional.


6. Numa tina com água deitam-se duas conchas desta pasta. Mistura-se bem com uma espátula.


7. Mergulham-se dentro da tina, em simultâneo e na horizontal, o quadro e a peneira sobrepostos um contra o outro, funcionando como um só objecto (atenção que o quadro deve ficar por cima da rede, de modo a delimitar as margens da folha).


8. Retiram-se cuidadosamente da tina o quadro e a peneira (sempre em simultâneo e na horizontal). Entretanto, a água vai escorrendo, ficando apenas a pasta de papel sobre a rede.


9. Retira-se então o quadro e coloca-se um pano absorvente por cima da folha.


10. Vira-se a rede ao contrário, de modo a que o pano fique por baixo. Com outro pano retira-se o excesso de água por cima da rede.


11. À medida que a folha fica mais seca e se descola, retira-se a rede com toda a atenção.


12. A folha fica a secar sobre o pano. Se for necessário que seque mais depressa, pode pôr-se um pano por cima e passar sobre ele o ferro de engomar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arte nada mais é, do que reciclar e soltar a imaginação.

Berço para bonecas

Reciclado de rolo de papel